Scripts de importação

Imprimir

Discente do curso de bacharelado em Agronomia realiza com êxito estágio na Unidade da Embrapa, em Cruz das Almas - Bahia e faz apresentação dos resultados em aula de Extensão Rural.

O discente Amarildo Martins da Silva, formando do curso de Agronomia do Instituto Federal Campus Barbacena, abriu as portas da Embrapa – Centro Nacional de Pesquisa de Mandioca e Fruticultura Tropical para o primeiro convênio entre as duas instituições, criando assim oportunidades de experiência em pesquisa e extensão rural , fundamental para a formação técnico-profissional dos estudantes do curso de Agronomia.

O estágio foi na área de experimentação agrícola da cultura da Mandioca, tema este que foi escolhido pelo referido estudante desde o início de seus trabalhos defendidos no TCC, no ano passado.

Durante o estágio de 60 dias ocorrido nos meses de Março e Abril de 2019 o estudante pode passar por todos os setores da empresa, conhecendo , discutindo e auxiliando os pesquisadores e técnicos de apoio em diversos experimentos referentes às novas tecnologias fitotécnicas e de melhoramento genético da cultura da mandioca.

Para Amarildo, este estágio oportunizou não só conhecimento e vivência com a pesquisa atual da cultura, mas também pode conhecer um pouco da população local de Cruz das Almas, seus valores, sentimentos, cultura e alimentação. “São saberes que julgo importantes para minha formação profissional e humana. A  convivência em comunidades indígenas,quilombolas, de assentados da reforma agrária e Sertanejos me ajudará muito na construção de projetos pessoais e profissionais futuros”, argumenta o estudante.

A aula da disciplina de extensão rural onde realizou sua explanação geral e discussão de resultados ficou enriquecida com as apresentações dos projetos de pesquisa da Embrapa e de Desenvolvimento rural sustentável por parte do serviço estadual de Extensão Rural ( BAHIATER) e da secretaria municipal de agricultura da cidade, onde nas horas extras e aos fins de semana pode vivenciar. O professor José Alcir Barros de Oliveira, seu orientador do estágio, ficou muito feliz e agradecido pelo esforço e competência do estudante e o parabeniza pelo trabalho realizado e pelo relatório de estágio muito bem elaborado.

Texto e fotos: José Alcir Barros de Oliveira